O pastor evangélico Silas Malafaia publicou um vídeo nesta sexta-feira (25) em que tece duras críticas aos líderes religiosos Gilmar Santos e Arilton Moura.

Conforme noticiado por este jornal digital, ambos foram citados no áudio do ministro da Educação, Milton Ribeiro, como supostos beneficiários pela pasta no repasse de recursos a municípios.

Em sua fala, Malafaia pediu uma ampla investigação por parte do Ministério Público Federal (MPF) e da Polícia Federal (PF). Solicitou, ainda, a quebra dos sigilos telefônico e bancário dos pastores.

“Investigá-los vai fazer um favor aos pastores evangélicos do Brasil. Nós somos mais de 200 mil pastores neste país e não vamos tomar lama por causa de dois camaradas”, declarou.

No vídeo, Silas ainda comparou sua reação a essa polêmica dos dois pastores à conduta tomada por aliados do Partido dos Trabalhadores (PT). Segundo ele, diferentemente do petismo, a categoria “não encobre seus ladrões e corruptos”.





Source link

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.