O virologista francês Luc Montagnier, que ganhou o Prêmio Nobel por participação na descoberta do vírus da imunodeficiência humana (HIV), causador da Aids, morreu aos 89 anos.

O cientista, que foi alvo de polêmica em 2020 por ter dito que acreditava que a Covid-19 foi criada em laboratório chinês, nasceu em 1932 na França e obteve doutorado em virologia pela Universidade de Paris.

Mais tarde, tornou-se diretor da Fundação Mundial para Pesquisa e Prevenção da Aids na capital francesa.

Nos anos anteriores ao início da epidemia de Aids, Montagnier havia feito descobertas significativas sobre a natureza dos vírus e contribuído para a compreensão de como eles podem alterar a informação genética dos organismos hospedeiros.

Sua investigação sobre o interferon, uma das defesas do corpo contra vírus, também abriu caminhos para a cura de doenças virais.





Source link

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.